A gestão socioambiental na universidade: espaço e tempo de oportunidades

Dalva Sofia Schuch, Yara Christina Cesário Pereira

Resumen


O presente artigo é uma reflexão acerca do processo de formação universitária encontram-se possibilidades de incorporar a cultura da sustentabilidade por meio de ações que ampliam o olhar dos atores sociais. O presente artigo relata ações empreendidas pela UNIVALI-SC- BRASIL e explicita alguns resultados que podem ser evidenciados pelas mudanças de atitudes dos sujeitos fazem parte deste contexto. Nesse processo, é relevante introduzir indicadores sociais e ambientais que orientem diferentes projetos rumo a uma transição sócio-ecológica. As mudanças de tratamento do espaço físico imprimem mudanças sutis na comunidade acadêmica em geral, na revisão curricular, no processo de formação continuada de professores, no processo de gestão da instituição. Na integração dos espaços físicos e intelectuais da academia, cria-se e se constrói concepções que podem mobilizar as transformações necessárias ao caminho da busca de um mundo melhor, de valores éticos e de respeito às diferentes dimensões entre natureza e cultura.


Texto completo

Refbacks

  • No hay Refbacks actualmente.


Licencia de Creative Commons
Esta obra está licenciada bajo una Licencia Creative Commons Atribución-NoComercial 2.5 Argentina .

AMBIENS. Revista Iberoamericana Universitaria en Ambiente, Sociedad y Sustentabilidad. Publicación de la Alianza de Redes Iberoamericanas de Universidades por la Sustentabilidad y el Ambiente (ARIUSA).ISSN en línea 2346-9269

http://www.ariusa.net revista.ambiens@gmail.com