Aprendizagem Significativa Crítica pela proposição explicativa de analogias através do Modelo Didático Analógico (MDA)

María Elena Infante-Malachias, Diana Borges dos Santos

Resumen


Neste texto faremos referencia à Aprendizagem Significativa Crítica que pode ser exercitada por estudantesquando elaboram proposições explicativas em atividades que utilizam analogias para o ensino-aprendizagem deCiências. Argumentamos que o exercício metacognitivo realizado por estudantes a través da elaboração deanalogias e das suas justificativas pode promover e facilitar a Aprendizagem Significativa Crítica dentro docontexto da sala de aula. Neste trabalho descrevemos algumas atividades desenvolvidas por estudantes de umcurso de formação de professores de Ciências da Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade deSão Paulo em Brasil. Os estudantes utilizaram o Modelo Didático Analógico (MDA) para explicar o processobiológico da síntese de proteínas. Embora a investigação que aqui se relata descreva a experiência com alunosuniversitários, propomos ampliar a reflexão e a discussão sobre a possibilidade de efetivamente levar estas ideiase experiências para o ensino de Ciências em todos os níveis escolares, uma vez que o exercício metacognitivovivenciado a través do Modelo Didático Analógico promove a tomada de consciência sobre a própriaaprendizagem e contribui com a formação de sujeitos autônomos e crítico que é um dos fundamentos para aAprendizagem Significativa Crítica.

Texto completo

Refbacks

  • No hay Refbacks actualmente.


Licencia de Creative Commons
Esta obra está licenciada bajo una Licencia Creative Commons Atribución-NoComercial 2.5 Argentina .

Revista Electrónica de Investigación en Educación en Ciencias. ISSN 1850-6666 UNCPBA-NIECyT-CONICET Pinto 399 -  C.P. 7000 Tel. 0054 0249 4439653 Tandil, Buenos Aires, Argentina. reiec@exa.unicen.edu.ar